Visita de Marcelo a Angola: Uma "viagem de afetos" quando "feridas" do passado ainda estão "frescas"

Negócios 03 de março de 2019

"A presença de Marcelo Rebelo de Sousa entre nós está a gerar uma expectativa inusitada para situações semelhantes, porque ela representa o selar da reaproximação política entre as autoridades dos dois países", refere o diretor do Jornal de Angola.

Por Lusa - Jornal de Negócios

A visita do Presidente de Portugal a território angolano, que começa oficialmente na quarta-feira, é considerada, num artigo de opinião do diretor do Jornal de Angola, como uma "viagem de afetos" quando ainda estão "frescas" feridas do passado.

Vítor Silva defende, no entanto, que a deslocação a Angola de Marcelo Rebelo de Sousa representa, também por isso, o "selar da reaproximação política" entre as autoridades políticas dos dois países, visita que, escreve, "antes de acontecer, já é considerada a mais importante da magistratura" do chefe de Estado português.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login