Tribunal francês rejeita pedido de libertação do suspeito no caso Maëlys

CM 23 de janeiro de 2018

Menina lusodescendente está desaparecida desde agosto.

Por Correio da Manhã

O tribunal de Grenoble rejeitou o pedido de libertação do suspeito do alegado homicídio da menor lusodescendente Maëlys de Araújo, desaparecida em agosto, em Pont-de-Beauvoisin, referiu hoje a procuradoria daquela cidade do sudeste de França.

"O juízo de liberdades e da detenção considera que a detenção (de Nordahl Lelandais) é necessária à continuação da instrução do processo", revelou a procuradoria de Grenoble, citada pela página na Internet da cadeia de rádios France Info.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui