'Saco azul' do GES mantido em segredo durante 21 anos

CM 09 de abril de 2016

Salgado e Espírito Santo mentiram na comissão parlamentar de inquérito ao BES.

Por Correio da Manhã

A empresa mais misteriosa do Grupo Espírito Santo (GES), suspeita de ser "um gigantesco saco azul", foi mantida em segredo durante mais de 21 anos, noticia o Expresso e a TVI, no âmbito do escândalo dos Papéis do Panamá.

Na edição de hoje, o Expresso, que integra o Consórcio Internacional de Jornalistas, juntamente com a TVI, avança que a Espírito Santo Enterprises foi criada em 1993 e que "Ricardo Salgado e José Manuel Espírito Santo não disseram a verdade à comissão parlamentar de inquérito do BES".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login