Relatório avisa para riscos de desvios e que despesa continua alta

CM 08 de dezembro de 2017

Clima económico positivo não deve fazer esquecer contenção nos gastos públicos.

Por Correio da Manhã

A Comissão Europeia, o Banco Central Europeu e o FMI traçam um quadro otimista do desempenho económico de Portugal. Depois de mais uma visita de avaliação pós-programa de ajustamento, os técnicos internacionais referem que o País "voltou a ganhar ímpeto" mas antecipam travagem, o que exige mais contenção na despesa.

A análise às contas nacionais mostra que a atividade económica "acelerou", o emprego cresceu "ainda mais rapidamente do que o Produto Interno Bruto (PIB)" e o crescimento dos salários "permaneceu moderado".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login