"Declaração obscena" de Trump gera revolta

CM 07 de maio de 2018

Donald Trump defende que se vítimas de atentado estivessem armadas desfecho teria sido outro.

Por Correio da Manhã

O Governo francês não deixou passar em branco as declarações de Donald Trump, que insinuou que os atentados de Paris, em 2015, podiam ter sido evitados se as pessoas que foram atacadas estivessem armadas. Também François Hollande, na altura presidente francês, condenou as declarações, que considerou como "obscenas".

"Se um funcionário ou patrão estivesse armado ou se uma pessoa desta sala estivesse lá com uma arma a apontar na direção oposta, os terroristas teriam fugido ou sido baleados, e a história teria sido outra", foi assim que o presidente dos Estados Unidos se referiu aos atentados de Paris, na noite de 13 de novembro de 2015, que causaram 130 mortos (entre eles sete terroristas), 89 dos quais na sala de espetáculos Bataclan.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login