PSP que agrediu adepto do Benfica usou "de forma excessiva meios coercivos"

Record 06 de janeiro de 2016

Embora tenha sido notificado da suspensão na terça-feira, Filipe Silva apresentou-se esta quarta-feira ao serviço

Por Record

O subcomissário Filipe Silva, envolvido nos incidentes de Guimarães em maio de 2015, utilizou "de forma excessiva os meios coercivos" e violou os "deveres de obediência, aprumo e zelo", segundo despacho da ministra da Administração Interna.

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) propôs que o subcomissário fosse suspenso por 200 dias, tendo a ministra Constança Urbano de Sousa concordado com a decisão em despacho enviado à Inpeção Geral da Administração Interna (IGAI) a 30 de dezembro.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login