Pai de Özil diz que "já teria deixado a seleção" alemã no lugar do filho

Record 09 de julho de 2018

"Agora utilizam-no como bode expiatório. Percebo que esteja ofendido"

Por Record

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login