ONU pede que mais navios com ajuda humanitária possam chegar ao Iémen

CM 27 de novembro de 2017

Depois da "flexibilização do bloqueio", alguns navios aportaram em Hodeida e no porto vizinho de Salif.

Por Correio da Manhã

A ONU sustentou esta segunda-feira que a coligação militar sob comando saudita no Iémen devia ir mais longe do que "a flexibilização do bloqueio" e deviam ser autorizados mais navios a aportarem em Hodeida, controlada pelos rebeldes.

O coordenador humanitário das Nações Unidas no Iémen, Jamie McGoldrick, regozijou-se pela "flexibilização do bloqueio", anunciada na semana passada, mas referiu que "é preciso fazer ainda mais".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui