O essencial do relatório sobre a tragédia de Pedrógão Grande

CM 12 de outubro de 2017

Conheça os pontos principais no documento elaborado pela comissão técnica independente.

Por Correio da Manhã

O relatório da comissão técnica independente, tornado público esta quinta-feira, sobre os incêndios que começaram em junho em Pedrógão Grande e Góis, revelam que a ausência de um alerta precoce propiciou o elevado número de mortos.

Além disso, o relatório hoje entregue na Assembleia da República refere também que se deviam ter retirado as pessoas das aldeias atempadamente, que houve falhas no comando dos bombeiros e que um conjunto de fatores climáticos também proporcionou a dimensão daqueles fogos.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login