Mastigação deve envolver os dois lados da boca

CM 16 de fevereiro de 2019

Alterações na mastigação podem ter consequências digestivas e nutricionais, entre outras.

Por Cláudia Machado - Correio da Manhã

Automática, natural, rotineira. Com frequência, a mastigação é considerada um dado adquirido, mas esta função, quando alterada, pode estar na origem de problemas digestivos, dentários, anatómicos ou musculares, nutricionais e até mesmo ter impacto na relação com os outros.

"Mastigar bem beneficia o equilíbrio muscular da face, promove a saúde oral e facilita a digestão. É um processo que envolve várias estruturas e, por isso, tem impacto no nosso bem-estar", explica ao CM Ana Paris Leal, membro do departamento de motricidade orofacial da Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login