Incendiário com menos um crime

CM 01 de maio de 2017

Carlos Fernandes vai ser julgado por seis crimes de incêndio, um deles agravado.

Por Correio da Manhã

O homem de 49 anos que está acusado de ter causado o incêndio que consumiu milhares de hectares de mato e floresta, em Monchique e Portimão, em setembro do ano passado, vai ser julgado por seis crimes de incêndio, um deles agravado.

O despacho de pronúncia foi conhecido na sexta-feira passada. Carlos Fernandes viu, contudo, cair a acusação de ter ateado um incêndio em Odelouca, Silves.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login