Homem obrigado a ter sexo com a madrasta aos 11 anos por ser gay

CM 25 de novembro de 2018

Pai de Daniel obrigou-o a ver pornografia por achar ser a "cura" para a homossexualidade.

Por Correio da Manhã - Correio da Manhã

Daniel Dowling, agora com 36 anos, revela que foi obrigado a ter sexo com a madrasta quando tinha 11 anos por ser gay. O menino era ainda incentivado pelo pai a ver pornografia de forma a "curar" a homossexualidade.

Vinte e cinco anos depois, o homem revela que ainda hoje sente o cheiro da madrasta Annette Breakspear e que foi com ela com quem perdeu a virgindade. Revela ao Daily Mail que passou três anos de tortura sexual em Berkshire, na Inglaterra, onde vivia com o pai.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login