GNR constituiu três arguidos suspeitos de fogo negligente no Gerês

CM 13 de agosto de 2017

Indivíduos são os alegados autores de uma queima de sobrantes que provocou um incêndio florestal no Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Por Correio da Manhã

A GNR constituiu arguidos três indivíduos por alegada autoria de uma queima de sobrantes que provocou um incêndio florestal no Parque Nacional da Peneda-Gerês, em Terras de Bouro, informou este domingo aquela força.

Em comunicado, a GNR refere que o incêndio teve início pelas 16h30 de sexta-feira e consumiu cerca de 5.000 metros quadrados de mato.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login