Eduardo Luís: «As coisas têm de mudar rapidamente»

Record 16 de março de 2016

Record ouviu cinco figuras do universo portista sobre o atual estado do FC Porto.

Por Record

Record ouviu cinco figuras do universo portista sobre o atual estado do FC Porto.PERGUNTAS1 - Que conclusões retira da última assembleia geral?2 - O que está errado no atual fc porto?3 - Pinto da costa continua a ser a melhor solução para o futuro do clube?Manuel Serrão: «Não há alternativa»1 Não estive presente, mas pelo que li e ouvi, não surgiu qualquer oposição, pois só considero como tal quando alguém se apresenta como candidato. Ninguém se apresentou. Os sócios estão descontentes, fizeram perguntas sobre este último mandato e até o presidente disse que estava triste.2O problema é não se ganhar praticamente nada há três épocas. Só se conquistou uma Supertaça e a Taça de Portugal é uma miragem. Eu estou de fora e não sei o que se passa, mas quem está dentro é bom que saiba para corrigir.3Não vejo ninguém que se considere melhor do que ele para dirigir o clube. Não há uma alternativa. O presidente tem crédito e não vamos confundir 30 anos com os últimos três.Eduardo Luís: «Mudar rapidamente»

1A contestação é natural e deriva do facto de o FC Porto caminhar para a terceira época sem o título nacional, deixando o Benfica tomar esse espaço. Não é uma assembleia geral que vai resolver algo, mas as coisas têm de mudar rapidamente.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login