Easyjet com multa suspensa se indemnizar e compensar passageiros com viagens

Negócios 31 de outubro de 2016

O tribunal condenou a companhia aérea por 91 contra-ordenações, mas reduziu a multa aplicada pelo regulador a 10%. O pagamento de 50 mil euros fica suspenso por dois anos se a Easyjet pagar indemnizações e oferecer passagens aéreas gratuitas a passageiros de voos afectados.

Por Maria João Babo - Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login