Coligação admite ter provocado 883 mortes de civis no Iraque e na Síria

CM 27 de abril de 2018

Ataques em Raqa e Mayadine foram particularmente mortíferos.

Por Correio da Manhã

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui