Mexia: EDP está a ser perseguida na busca de culpados pelos incêndios

Mexia: EDP está a ser perseguida na busca de culpados pelos incêndios
Mariana Branco 12 de abril de 2018

O presidente da empresa defende que a EDP tem servido de "bode expiatório" na procura de motivos para os incêndios do Verão passado.

O presidente executivo da EDP, António Mexia, afirma que a empresa tem servido de bode expiatório na procura de motivos para os incêndios que ocorreram no Verão passado. Em entrevista à TSF, Mexia garante que a EDP cumpriu todos os procedimentos nas limpezas de florestas – e que a área limpa continuará a ser a mesma.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais