Análises aos resíduos da Celtejo estão em segredo de justiça

A.R.M. 09 de fevereiro de 2018

A Inspecção-Geral da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território não pode revelar as análises feitas à saída da tubagem da Celtejo.

A Inspecção-Geral da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território (IGMAOT) foi ordenada pelo Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) a não revelar as análises feitas à saída da tubagem da Celtejo por se encontrarem em segredo de justiça. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais