O formador de campeões que recusa a luz dos projetores
Alexandre Pais
28 de março de 2018

O formador de campeões que recusa a luz dos projetores

“Use a sua luz, mas diminua o seu brilho” – Lao-Tsé, filósofo chinês (570a.C.-490a.C.)

Cristiano Ronaldo, Futre, Figo, Nani e Quaresma são apenas os nomes maiores dos excelentes futebolistas que devem a Aurélio Pereira terem encontrado o caminho para o êxito na profissão e na vida. Porque o responsável pelo departamento de Prospeção e Recrutamento do Sporting tem tido a capacidade de ser, em simultâneo, descobridor de talentos, fazedor de campeões e formador de homens.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Opinião Ver mais