A alegria uma romã
Raquel Serejo Martins Escritora
29 de maio de 2017

A alegria uma romã

Não gostava do Verão. Da alegria do Verão, dos chinelos de enfiar entre o dedo gordo e o indicador do pé, da praia, dos baldes, das bóias, das bolas de futebol e de Berlim, das sardinhadas, das espinhas e das escamas, das moscas e dos mosquitos, dos bailaricos ao som de música de lírica duvidosa

Não gostava do Verão.

Da alegria do Verão, dos chinelos de enfiar entre o dedo gordo e o indicador do pé, da praia, dos baldes, das bóias, das bolas de futebol e de Berlim, das sardinhadas, das espinhas e das escamas, das moscas e dos mosquitos, dos bailaricos ao som de música de lírica duvidosa.

Pelo menos pensava, resignado.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login