Entrevista

Paulo Pires: "Por que não se veem cidadãos de origem africana na polícia?"

Paulo Pires: 'Por que não se veem cidadãos de origem africana na polícia?'
Marco Alves 14 de março

A inaugurar esta nova rubrica na SÁBADO (Conversas Improváveis e uma selfie), o ator Paulo Pires fala de política, futebol, Jair Bolsonaro, Mamadou Ba, André Ventura, Graça Fonseca e até os 100 anos do PCP.

Paulo Pires, 54 anos, está neste momento a gravar a telenovela da TVI Para Sempre. O ator é o convidado desta primeira edição de Conversas Improváveis e uma Selfie (que nos enviou nesta 3ª feira à noite"), onde personalidades respondem a perguntas de áreas de que não estamos habituados a ouvi-las falar.

O que achou das 30.000 pessoas que assinaram uma petição para Mamadou Ba ser deportado?

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
A Newsletter SÁBADO É TODOS OS DIAS no seu e-mail
NEWSLETTER EXCLUSIVA PARA ASSINANTES O resumo das notícias pela redação da SÁBADO, sempre ao início da manhã. (Enviada de segunda a sexta)