Viúva de Picasso quis esconder obras do filho

CM 31 de outubro de 2016

Eletricista manteve guardadas 271 pinturas do mestre espanhol.

Por Correio da Manhã

Um eletricista que manteve 271 obras de arte de Pablo Picasso na sua garagem durante 40 anos, afirmou esta segunda-feira em tribunal que a viúva do pintor lhe entregou as obras para escondê-las do seu filho Claude.

"A senhora Jacqueline Picasso tinha problemas com Claude Picasso", declarou Pierre Le Guennec, um eletricista reformado que foi condenado no ano passado, em primeira instância, por posse de bens roubados. Le Guennec está a ser ouvido no tribunal de Aix-en-Provence no âmbito do recurso que interpôs.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login