Tripulantes da Ryanair alertam Governo para a não aplicação das leis nacionais

CM 28 de março de 2018

Será enviada uma carta aberta dirigida ao Presidente da República, ao Governo e ao parlamento.

Por Correio da Manhã

Os tripulantes da Ryanair vão divulgar esta quarta-feira uma carta aberta dirigida ao Presidente da República, ao Governo e ao parlamento "para alertar" para a não aplicação das leis nacionais pela companhia a trabalhadores com base em Portugal.

"Vai sair uma carta aberta para os órgãos de comunicação social em que fazemos um alerta ao senhor Presidente da República, ao senhor primeiro-ministro, ao ministro do Trabalho e aos deputados da Assembleia da República para que olhem com olhos de ver porque é uma empresa estrangeira que quer impor lei estrangeira em Portugal", informou a presidente do Sindicato Nacional Do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC).

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui