Tribunal de Contas detetou "irregularidades" no Politécnico de Santarém

CM 13 de janeiro de 2017

Organismo sublinha que esta situação já está ultrapassada.

Por Correio da Manhã

O Tribunal de Contas detetou irregularidades nos registos contabilísticos e no cumprimento de procedimentos no Instituto Politécnico de Santarém (IPS), numa análise à gerência de 2013, admitindo "eventual apuramento de responsabilidade financeira", situações que o IPS afirma estarem ultrapassadas.

Num relatório da auditoria realizada ao IPS, divulgado hoje, o Tribunal de Contas (TdC) afirma ter detetado "irregularidades" nos registos contabilísticos e no cumprimento de regras procedimentais, concluindo que o sistema de controlo interno é deficiente e tendo emitido um juízo desfavorável às demonstrações financeiras do ano de 2013.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login