Ricardo Salgado diz que Banco de Portugal recusou três hipóteses de recapitalização do BES

Negócios 03 de março de 2019

"Não sacudi a água do capote", afirma Ricardo Salgado em entrevista à TSF, acrescentando que "22 anos sem qualquer erro é impossível." Ainda assim, os erros que existiram foram "de julgamento", afirmou.

Por Lusa - Jornal de Negócios

O ex-presidente do Banco Espírito Santo (BES), Ricardo Salgado, afirma que "não houve vontade política" para salvar o banco, que o Banco de Portugal recusou três hipóteses de recapitalização e que pensa todos os dias nos lesados.

Quase cinco anos depois do colapso do BES, Ricardo Salgado afirma, em entrevista à TSF, que enquanto esteve no banco, até 13 de julho de 2014, "nunca se tinha falado em resolução alguma".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login