Parlamento Europeu recusa tratamento especial a Londres

Negócios 19 de fevereiro de 2016

Martin Schulz, líder da Eurocâmara, não espera que os deputados viabilizem um acordo que permita discriminações dos bancos britânicos ou dos imigrantes de outros Estados-membros.

Por Paulo Zacarias Gomes - Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui