Mourinho: «Foi um orgulho imenso trazer o emblema do Manchester United ao peito»

Record 19 de dezembro de 2018

Mourinho, de 55 anos, qu foi substituído no cargo pelo norueguês Ole Gunnar Solskjaer

Por Record - Record

O português José Mourinho afirmou esta quarta-feira que foi um "orgulho imenso" ter representado o Manchester United e pediu que o deixem "levar uma vida normal" até ao dia em que voltar a treinar uma equipa de futebol.

"Foi um orgulho imenso trazer o emblema do Manchester United ao peito desde o primeiro momento e sinto que os adeptos do clube sabem disso. Tal como aconteceu nos anteriores clubes, trabalhei com gente maravilhosa e, claro está, a amizade de algumas delas ficará para sempre", disse José Mourinho, em comunicado enviado às redações.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login