Manuel Valls deixa Partido Socialista para apoiar Macron

CM 27 de junho de 2017

Ex-primeiro-ministro do governo socialista foi eleito deputado nas listas do novo presidente.

Por Correio da Manhã

O ex-primeiro-ministro francês Manuel Valls anunciou esta segunda-feira que abandona o Partido Socialista, após 37 anos de militância, sublinhando que se enquadra na maioria parlamentar do novo presidente Emmanuel Macron.

Numa entrevista à estação de rádio RTL, Valls disse que se "passou uma página", referindo-se às presidenciais franceses e às eleições legislativas que lhe garantiram a reeleição como deputado.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login