GNR, PSP e agente do Fisco detidos por corrupção

CM 18 de abril de 2018

Dezasseis pessoas foram presas por suspeitas de corrupção passiva, tráfico de influências, acesso ilegítimo e abuso de poder.

Por Correio da Manhã

Dezasseis pessoas foram detidas, entre elas um elemento da GNR, um da PSP e outro da Autoridade Tributária, por suspeitas de corrupção passiva, tráfico de influências, acesso ilegítimo e abuso de poder, numa operação que decorre na zona Oeste de Lisboa.

Segundo uma informação colocada na pagina na internet da Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa, às 16 pessoas detidas na terça-feira e esta quarta-feira juntam-se mais quatro detidos em outubro, entre os quais um militar da GNR, que estão em prisão preventiva por suspeitas de tráfico de droga.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui