Figueres abandona em Julho cargo de representante das Nações Unidas para as alterações climáticas

Negócios 19 de fevereiro de 2016

Depois de seis anos no mais alto cargo das Nações Unidas para as alterações climáticas, Christiana Figueres, de 59 anos, não vai aceitar uma extensão do seu mandato, que termina em Julho. A sua liderança ficou marcada pela conquista de um acordo histórico em Paris.

Por Inês F. Alves - Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui