Fecho dos mercados: Europa em máximos de três semanas. Petróleo com maior subida semanal em dois anos

Negócios 04 de janeiro de 2019

O sentimento positivo reina nos mercados no final da primeira semana do ano. As bolsas disparam assim como o petróleo. Já o ouro cede à medida que os investidores voltam a apostar em ativos mais arriscados.

Por Tiago Varzim - Jornal de Negócios

Os mercados em números
PSI-20 sobe 2,82% para 4.880,01 pontos
Stoxx 600 soma 2,83% para 343,38 pontos
S&P 500 valoriza 2,57% para 2.510,62 pontos
"Yield" da dívida portuguesa a dez anos agrava-se em 0,4 pontos base para os 1,809%
Euro soma 0,14% para os 1,1409 dólares
Barril de petróleo em Londres sobe 2,23% para os 57,21 dólares

Bolsas europeias em máximos de três semanas
As palavras de Jerome Powell foram a cereja no topo do "bolo": os dados positivos do mercado de trabalho norte-americano. Os dois efeitos chegaram para impulsionar as bolsas internacionais, que já estavam a valorizar esta sexta-feira, 4 de janeiro, depois da forte queda de ontem provocada pela Apple e pelas preocupações com a disputa comercial e a paralisação parcial do Governo federal norte-americano.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login