Crítica quer Robert Redford na corrida aos Óscares

CM 04 de janeiro de 2019

Ator de 82 anos pode vir a ser o mais velho nomeado com 'O Cavalheiro com Arma'.

Por Sónia Dias - Correio da Manhã

A crítica internacional é quase unânime: Robert Redford merece um Óscar - ou, pelo menos, uma nomeação - pela sua prestação em ‘O Cavalheiro com Arma’ (The Old Man & the Gun), uma história verídica que, muito provavelmente, será o seu último trabalho como ator.

Se tal acontecer, Redford, de 82 anos, será o mais velho nomeado da história da Academia de Hollywood, batendo o recorde de Richard Farnsworth, nomeado em 2000, quando tinha 79.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login