Conselheiros do Luxemburgo ameaçam processar Estado português por atrasos com pensões de emigrantes

Negócios 19 de dezembro de 2018

Os conselheiros das comunidades portuguesas no Luxemburgo ameaçam mover uma acção judicial ao Estado português pelos atrasos na emissão de documentos para a "instrução dos pedidos de reforma" dos emigrantes no Grão-Ducado.

Por Lusa - Jornal de Negócios

À Lusa, João Verdades, um dos dois representantes naquele órgão de consulta do Governo para as questões da emigração, disse que este "é o último recurso" para tentar acabar com a "incompetência no envio de documentação que o Estado deveria fornecer a tempo e a horas", e com um "atraso gritante" que coloca os emigrantes "em situação de alguma fragilidade económica".

 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login