Centeno: "O conceito de precariedade pode variar de sector para sector"

Negócios 14 de dezembro de 2016

O ministro das Finanças admite critérios diferentes na avaliação da precariedade no Estado, o processo que deverá levar à integração de trabalhadores. A análise "não pode ser transversal", diz.

Por Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login