Bancos espanhóis afundam em bolsa e juros sobem para máximos de quase três meses

Negócios 02 de outubro de 2017

A bolsa de Madrid está a desvalorizar 1% enquanto os juros da dívida a dez anos seguem no valor mais alto desde Julho, depois do referendo deste domingo ter dado vitória ao "sim" à independência da Catalunha.

Por Rita Faria - Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login