"Como conheci Hugh Hefner na mansão Playboy"

'Como conheci Hugh Hefner na mansão Playboy'
Leonor Riso 28 de setembro de 2017

Ana Dias é uma fotógrafa portuguesa que trabalha com a Playboy. Em 2015, conheceu o seu ídolo.

Ana Dias é uma fotógrafa portuguesa que começou a trabalhar com as edições portuguesa e sérvia da Playboy em 2012. Três anos depois, teve oportunidade de conhecer Hugh Hefner, o seu maior ídolo. Ana relatou essa experiência à SÁBADO. 

Em 2015 fui chamada pela Playboy norte-americana, para uma reunião em Beverly Hills. Pedi para conhecer o Hugh, o meu ídolo, e entrei em contacto com a secretária dele. Depois, recebi um email: ele queria convidar-me para jantar e uma sessão de cinema na mansão da Playboy.

Não é fácil entrar. Quando cheguei, reparei num livro de presenças. A última pessoa convidada tinha ido há três meses. Só se podia entrar na casa numa festa temática, como o Halloween ou o Carnaval, a convite do Hefner.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui