Balcony abre portas em Alvalade

Pedro Magalhães, Luís Neiva e Paulo Caetano formam o trio fundador da mais jovem galeria lisboeta. Querem dar a conhecer talentos emergentes e fazem-no já na mostra inaugural, New Work

Ágata Xavier 20 de setembro de 2017

Ironia, humor, juventude e um chão azul a lembrar um balneário. A Balcony marca assim o início do seu percurso como a mais jovem galeria a nascer em Lisboa, no bairro que se quer distinguir como um pólo das artes - delineado pela Appleton Square, Galeria Vera Cortês, Fundação Leal Rios e Maisterravalbuena -, Alvalade. "Isto não é uma galeria de amigos, mas também o é", explica Pedro Magalhães, que com Luís Neiva e Paulo Caetano forma o trio de sócios-galeristas.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
A Newsletter Semanal Gps no seu e-mail
A GPS indica-lhe as melhores sugestões de fim de semana. Receba todas as semanas no seu email. (Enviada semanalmente)