PSD junta-se ao PS e vota contra os 25 dias de férias

Negócios 27 de janeiro de 2017

Dois dias depois da TSU, o PSD volta a dar a mão ao PS. Os social-democratas juntaram-se aos socialistas para chumbar a subida dos actuais 22 dias de férias para 25. O CDS também votou contra. Toda a esquerda e o PAN votaram a favor.

Por Bruno Simões - Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login