'Eterno' Nelson Évora chega às 11 medalhas

Record 03 de março de 2019

Triplista voltou a brilhar nos grandes palcos internacionais

Por Lusa - Record

Nelson Évora vai fazer 35 anos dentro de sete semanas e a sua história no atletismo não acaba certamente este domingo em Glasgow, com a sua 11.ª medalha em grandes competições de triplo salto.

Verdadeiro sinónimo de resiliência, com sucessivos regressos de lesões graves e carreira relançada já depois dos 30, o melhor atleta português da última década garante que quer ir pelo menos até aos Jogos Olímpicos de Tóquio, no próximo ano, e que há que contar com ele em setembro, nos Mundiais de Doha.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login