Quantos psicólogos estão no terreno? "O Ministério não sabe"

'Ministério não sabe' quantos psicólogos estão no terreno
Alexandre R. Malhado 27 de junho de 2017

Bastonário da Ordem dos Psicólogos diz que há falta de apoio no terreno para casos considerados "menos graves", como casos de ansiedade

Francisco Miranda Rodrigues

O Ministério da Saúde "não soube dizer" ao bastonário da Ordem dos Psicólogos, Francisco Miranda Rodrigues, quantos clínicos estão activos em Pedrógão Grande. Em reunião alargada esta segunda-feira com a Ordem dos Psicólogos, o Ministério não soube especificar a actual capacidade de resposta no terreno de psicólogos para acautelar as mazelas psicológicas das vítimas do devastador incêndio que tirou a vida a 64 pessoas, ferindo centenas e queimando mais de 120 mil hectares - e isso preocupa o bastonário.

"Precisamos de saber isso. É essencial para avaliarmos a capacidade de resposta no terreno nesta segunda fase", explicou Miranda Rodrigues à SÁBADO. "O que já me preocupava durante os incêndios era o que poderia acontecer depois da primeira fase das equipas no terreno. Na área afectada existia um psicólogo para dar assistência aos utentes de 14 centros de saúde", concretiza o bastonário.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação