A Supernanny e a minha Supergata
Sofia V. Martins Terapeuta e Coach
29 de janeiro de 2018

A Supernanny e a minha Supergata

Aqui há dias dei com a minha gata a falhar um salto para chegar ao alto de um armário. Talvez por desatenção ou excesso de confiança, acabou por não conseguir o seu intento.

Aqui há dias dei com a minha gata a falhar um salto para chegar ao alto de um armário. Talvez por desatenção ou excesso de confiança, acabou por não conseguir o seu intento.

A reação dela foi virar costas e ir-se embora, sentando-se uns metros mais atrás olhando de relance para o lugar ambicionado. Notei nela uma certa tristeza, não sabendo se esse sentimento era meu ou dela.

Quis ajudá-la. Pegar nela e pô-la no lugar onde tanto queria estar. Tinha vontade de atenuar nela a frustração que devia ter sentido por não conseguir realizar algo natural num felino. Natural na minha gata.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Tópicos sofia martins