6 de Agosto (1980) Fim do Verão quente no Porto
Rui Miguel Tovar Jornalista
06 de agosto de 2016

6 de Agosto (1980) Fim do Verão quente no Porto

Perdido o tricampeonato em 1980, para o Sporting, o FC Porto renova o balneário mas não o faz da maneira mais sensata. As declarações da dupla Pinto da Costa (director do departamento de futebol) e José Maria Pedroto (treinador) em relação á força do poder dos clubes de Lisboa não são bem aceites por Américo de Sá, presidente da instituição que recusa discursos inflamados de escárnio e mal-dizer. A partir do momento em que Américo de Sá demite Pinto da Costa, instala-se a confusão no Porto. Segue-se a saída de Pedroto

Perdido o tricampeonato em 1980, para o Sporting, o FC Porto renova o balneário mas não o faz da maneira mais sensata. As declarações da dupla Pinto da Costa (director do departamento de futebol) e José Maria Pedroto (treinador) em relaçãá força do poder dos clubes de Lisboa não são bem aceites por Américo de Sá, presidente da instituição que recusa discursos inflamados de escárnio e mal-dizer. A partir do momento em que Américo de Sá demite Pinto da Costa, instala-se a confusão no Porto. Segue-se a saída de Pedroto.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui