Mãe que matou violador da filha não será julgada

Joana Timóteo com Leonor Riso 12 de outubro de 2017

Decisão foi bem acolhida na África do Sul.

Uma mulher sul-africana foi acusada de ter morto um homem e ferido outros dois, depois de os ter apanhado a violar a filha de 27 anos. Este domingo foi anunciado que o Ministério Público local anunciou ter desistido da acusação de crimes de homicídio e tentativa de homicídio.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais