Comestiveis e aromatizadas. Conheça as palhinhas Sorbos

Em média, têm uma vida útil de quatro minutos e levam 400 anos para se decomporem - é isto, pelo menos, que diz a Sorbos, que quer um mundo livre de palhinhas de plástico. Em vez delas? Palhinhas comestíveis

Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 9 a 15 de junho
As mais lidas GPS
D.R.

As Sorbos foram-me apresentadas como "as primeiras palhinhas comestíveis e aromatizadas do mercado, 100% biodegradáveis e amigas do ambiente". Olhando para elas, achei-as normalíssimas (talvez um pouco mais longas e largas), apenas mais ásperas ao toque do que as de plástico e com uma embalagem que remetia para um universo doce. Dito de forma mais simples: pareciam rebuçados.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
A Newsletter Semanal Gps no seu e-mail
A GPS indica-lhe as melhores sugestões de fim de semana. Receba todas as semanas no seu email. (Enviada semanalmente)