GPS

Crítica de Exposições: Las Golondrinas de Maya Saravia

A exposição de Maya Saravia está patente até 21 de fevereiro na Galeria Balcony, em Lisboa

Carlos Vidal 30 de janeiro de 2019

É uma das mais interessantes exposições do ano. Vi-a, com a autora e o comissário (Sérgio Fazenda), depois de já ter feito um balanço de 2018. Ano de clássicos (Snow ou Biberstein) - mas Saravia tem aqui de ser citada pela força política e melancólica da sua exposição, e porque as suas individuais e coletivas de registo são já deste século - um tempo estranho, de encontros, desencontros e memórias, de rememoração crítica do passado negro da escravatura.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
A Newsletter Semanal Gps no seu e-mail
A GPS indica-lhe as melhores sugestões de fim de semana. Receba todas as semanas no seu email. (Enviada semanalmente)