Entrevista
Entrevista

Maria José Costa, a "apaixonada pelo mar" que ganhou o Grande Prémio Ciência Viva

Maria José Costa, a 'apaixonada pelo mar' que ganhou o Grande Prémio Ciência Viva
Débora Calheiros Lourenço 21 de novembro de 2023
Siga o nosso canal no WhatsApp e não perca as grandes histórias da SÁBADO. Seguir

"Zita", como gosta que lhe chamem desde criança, foi uma das fundadoras da AMONET - Associação das Mulheres Cientistas e 20 anos depois, defende que não devem ser perpetuados "padrões de comportamento que nos levam a dizer coisas como 'O meu marido ajuda-me'".

Maria José Costa (ou Zita, como gosta de ser chamada desde criança) é bióloga marinha e professora catedrática aposentada da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. A partir de dia 24 de novembro, soma ainda o Grande Prémio Ciência Viva à sua vida, dedicada ao estudo de áreas como a ecologia de peixes e pescas ou a biodiversidade marinha - em particular do Estuário do rio Tejo. Aos 76 anos, a também vice-presidente da AMONET (Associação Portuguesa de Mulheres Cientistas) e investigadora do MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente da UL falou com a SÁBADO sobre a sua investigação e percurso profissional que conta com a publicação de dois livros, além de 160 publicações em revistas científicas internacionais. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
A Newsletter As Mais Lidas no seu e-mail
Às Sextas-Feiras não perca as notícias mais lidas da semana