Técnica de diagnóstico deteta cancro da próstata mais cedo

CM 05 de novembro de 2017

Fragmentos das lesões são depois enviados para o laboratório.

Por Correio da Manhã

Há mais uma arma no combate ao cancro da próstata. A biopsia prostática de fusão é uma nova técnica de diagnóstico deste cancro. Esta tecnologia inovadora combina as imagens obtidas com a ressonância magnética nuclear com a imagem obtida por ecografia prostática em tempo real.

"A técnica de fusão, assim lhe chamamos, permite detetar cancro com uma taxa muito superior à biopsia ?standard?. Outra das particularidades é que também conseguimos caracterizar o tumor, permitindo-nos saber que tipo de tratamentos se poderão aplicar às lesões daqueles doentes", explicou ao CM o médico urologista João Magalhães Pina.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login