Secretário de Estado considera perda de acreditação do LAD um processo "nebuloso"

Record 26 de outubro de 2018

Por Lusa - Record

O secretário de Estado da Juventude e Desporto, João Paulo Rebelo, considerou esta sexta-feira pouco transparente o processo que levou a Agência Mundial Antidopagem (AMA) a revogar a acreditação do Laboratório de Lisboa (LAD), considerando a decisão "estratégica".

"Discordamos em absoluto de todo o processo por entendermos que é nebuloso e nada transparente. Não sei até que ponto é que há aqui uma estratégia, ainda que não seja clara e nítida, em reduzir o número de laboratórios. Basta ver o que tem acontecido noutros laboratórios por todo o mundo", notou João Paulo Rebelo, que, em declarações à agência Lusa, reiterou que o Governo continua a avaliar a possibilidade, para a qual está "muito inclinado", de recorrer para o Tribunal Arbitral do Desporto, em Lausana, na Suíça.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login