Reforma das pensões pode detonar nova crise no governo grego

Negócios 05 de janeiro de 2016

A reforma das pensões não implicará cortes para os já reformados, mas os novos pensionistas podem perder até 30%. Num sinal de fragilidade da coligação, a porta-voz de Tsipras pediu o apoio da oposição.

Por Eva Gaspar - Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login