Receios políticos ditam queda superior a 1,5% da bolsa italiana

Negócios 29 de maio de 2017

As cotadas do sector financeiro são as mais penalizadas pelos receios dos investidores de que o país realize eleições antecipadas.

Por Rita Faria - Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login